30 de out de 2008

Conceito de Produto, que atendeu a necessidade do mercado a partir de uma norma de regulamentação.

Tigreflex Reforçado Cor Laranja é garantia de maior segurança.
Ideal para instalações elétricas em lajes de concreto, o Eletroduto Tigreflex Reforçado não propaga chamas, não dobra, não amassa e agora vem na cor laranja, atendendo a NBR 15.465, a norma que regulamenta os eletrodutos rígidos e flexíveis no Brasil.
A ABNT modificou a NBR 15.465, alterando a cor dos eletrodutos de classificação média (aplicação em lajes de concreto) de cinza para laranja. A Tigre alterou a cor de toda a Linha Tigreflex Reforçado, visando o atendimento da Norma de eletrodutos e também para facilitar a distinção do consumidor na identificação de produtos TI GRE para instalações em lajes de concreto.
O produto suporta carga de até 750N/5 cm suficiente para agüentar os esforços de esmagamento do eletroduto no processo de concretagem (colocação de concreto na laje), e para a movimentação intensa de pessoas e carrinhos-de-mão no andamento de uma obra.
Sobre a Tigre
A Tigre é a multinacional brasileira da América Latina líder na fabricação de tubos, conexões e acessórios em PVC.
Sua história começou em Joinville (Santa Catarina – Brasil), em 1941 quando o empreendedor João Hansen Junior adquiriu o controle de uma pequena empresa. A visão pioneira e abordagem inovadora dele se transformaram no fundamento de uma forte companhia que mais tarde se tornaria um grupo de classe mundial, com uma história de sucesso, de inovação e de liderança industrial.
Pioneira e referência nos mercados Predial, de Irrigação e de Infra-estrutura, a empresa é reconhecida pela qualidade e inovação constante dos seus produtos e serviços e também pela sua cultura de valorização das pessoas. O Grupo conta com 5.200 funcionários, faturamento superior a US$ 1 bilhão (2007) e unidades fabris em Joinville (SC), Rio Claro, Indaiatuba (SP) Camaçari (BA) e Castro (PR) e unidades externas na Argentina, Bolívia, Chile, Paraguai, Uruguai, Equador e Estados Unidos.
Em janeiro deste ano, adquiriu a empresa Plástica S/A, sediada em Lima, no Peru, companhia fabril com participação importante no mercado peruano. Neste momento, inicia as operações fabris na Colômbia e expande na Argentina.
No Brasil, inaugura ainda fábrica em Minas Gerais (Pouso Alegre) e em Escada, próximo à Recife (Pernambuco).
Os investimentos previstos para este ano chegam a US$ 70 milhões, sem considerar as possíveis aquisições. A empresa continua a avaliar oportunidades na América Central e México.

Nenhum comentário: